segunda-feira, 25 de maio de 2009

Maré

As águas salgadas arrastaram o meu castelo de areia pra profundeza azul e gelada do mar. E lá está ele, desfeito e perdido, como sempre esteve.

Nenhum comentário: