quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Escolha

Pareço estar gritando ao vento os meus sentimentos. Mas prefiro assim.
Posso até mesmo parecer repetitiva, mas o que fazer, se estou entre o amor e a morte?
Ou morro de amores ou amo morrendo. Ou morro por amar ou amo por morrer.
Não escolho não escolher. Apenas desta vez.

Nenhum comentário: